Torcedores do Atlético-MG pedem contratação de ídolo

Crédito: Pedro Souza / Atlético

O Atlético-MG Uma aposta no mercado da início do ano, a contratação não deu a resposta fez e o torcedor está na bronca. Após a saída de Diego Costa, o Galo contratou ou o pouco conhecido Fábio Gomes, que não estava no New York Red Bulls, dos Estados Unidos, mas o jogador não tem ido bem e comeu mesmo espaço no elenco, mesmo sem outra opção para a função .

Nest dia 10 de maio, o Atlético-MG Nossas redes sociais para relembrar um deus grandes ídolos recentes, o atacando Diegodelli, atualmente com 37 anos e sem clube. Foi necessária a união para os torcedores invadirem o perfil do clube solicitando uma saída de Fábio Gomes e a volta do antigo camisa 9 ao plantel.

Veja as reções de torcedores do Atlético-MG

Fabio Gomes não convenceu desde que chegou ao Atlético-MG

O atacante, que passou pelo Oeste, Albirex Niigata, do Japão, e não estava no New York Red Bulls, dos Estados Unidos, chegou ao Atlético-MG no início do ano para ser substituído por Diego Costa no elenco. Ele começou bem na segunda partida, tendo marcado já em sua partida, na goleada por 4 a 0 sobre o Uberlândia, no Campeonato Mineiro, e depois sobre o Pouco Alegrre, em mais uma vitória, agora por 3 a 2. Mas parou por aí. O jogador não vai para as redes desde março e perdeu espaço no elenco de ‘Turco’ Mohamed.

Diego Tardelli é ídolo da torcida e multicampeão no Galo

Foram três passagens pelo clube e a idolatria máxima dos torcedores. Não revelado São PauloTardelli passou por Bétis, da Espanha, PSV, da Hollanda, além de São Caetano e Flamengo antes de chegar ao Atlético-MG para a primeira passagem em 29. Foi lá que se tornou ídolo já na chegada. Foram anos devidos e meios recheados de gols. Ao todo, disputou 111 jogos, com 69 gols marcados. Saiu em 2011, passou pelo futebol russo e do Catar, e voltou em 2013 para ser campeão da Libertadores e formou um quarteto de ataque ao lado de Ronaldinho, Jô e Bernard. 201, futebol americano sai ainda a Recopa Sul- Americano em 2015 para o futebol. Ficou por lá em 2019 e voltou ao Brasil para defender o Grêmio, onde teve problemas físicos. Em 2020 fé recontratado pelo Galo, mas não conseguiu pelo mesmo motivo. Assim, marcou deve gols mesmo em 11 jogos. passou pelo Santos em 2021 segue sem clube ate hoje.

Leave a Reply

Your email address will not be published.