Razões pelas quays o Corinthians Deveria afastá-lo

O UOL Esporte publicou nesta terça-feira uma entrevista exclusiva com a mulher que acusa o atleta Robson Bambu de violação. Para quem tem nervos de aço, a leitura é recomendada e necessária. Trata-se de uma entrevista forte, gráfica e perturbadora. Eu li por dever de ofício porque casos de violência sexual funcionam como acionador – não apenas para mim, mas para todas as mulheres. Em segundos somos levadas às cenas dos objetos pessoais não pelas coisas e revisitá-los coisas mais agradáveis ​​​​dessa vida.

O atleta acusado de violar viajou com a fazer corinthians para partida da Libertadores e abaixo vou explicar que ele deveria ser imediatamente mandado de volta para casa.

Denúncias de estupro devem ser levadas muito a sério. Em casos de violência sexual a lei diz que a palavra da vitima vale como prova e não apenas como mais uma denúncia. Isso porque, por motivos óbvios, normalmente não há testemunhas nesses casos. Então, diante de prova, ele deve voltar e ser afastado que o caso possa ser esclarecido.

Mas e os casos em que a mulher acusa o cara apenas para se dar bem, podemos questionar alguns. Ervilhas estreladas. Algum caso como esse vem a sua cabeça? Acusar alguém de violência sexual é lançar num abismo sem que haja possibilidade de volta. A vida de quem acusa é transformada em um inferno e as chances de que ela seja transformada em não são pequenas. Não faltarão aqueles que dirão que “ela deu mole”, “ela tava a fim”, “ela queria”. Do depoimento do estupro, nada disso importa. Sexo requer consentimento. Qualquer coisa fora disso é violação.

Podemos estar a fim e mudar de ideia, podemos estar a fim e não querer certas coisas, podemos estar a fim, podemos ser coisas dopadas e não lembrar de nada. Sexo exige consentimento e repita isso não é demais.

Mas e como falsas? Sim, elas existe. São da ordem de 3%, como explica Amia Srinivasan em seu “O direito ao sexo”.

Quem faz essas falsas ameaças? Normalmente são homens que acusam falsamente outros homens de terem abusado de uma mulher. Normalmente, homens brancos acusando homens negros de um crime que nunca existem. Tudo está no livro de Amia. Recomendo leitura.

Mulheres não mentem? Sóbrios termos sido abusados, extremamente raros. Não há registros de uma mulher que tenha alguém se dado bem depois de acusado de violação. Se o acusado é quase um homem branco rico, chance nenhuma de pública e nem de fúria da opinião (think em Cuca). Se for preto e pobre, chances de reconhecimento e de fúria da opinião pública (think em Robinho).

Em ambos os casos, a vida da mulher está para sempre alterada. Certamente, diante de algum abuso cometido, temos espaço para um abuso cometido, mas nunca nos recuperamos de um caso de abuso de abuso, de abuso. A ferida fica aberta e volta a sangrar em diferentes momentos da vida.

É preciso fazer todos esses recortes de raça e de classe para compreender os crimes de violência sexual.

Estupro não é sobre sexo. É sobre poder. Estupro é arma de guerra. Um exército que invade território inimigo usa o como violação arma. Relatos sobre a invasão do Iraque e do Afeganistão são públicos mas é assim há séculos. O corpo de uma mulher é o corpo inimigo. Violá-lo é marcar poder, é formar uma conquista de um território.

Estupro é arma de guerra e é também uma cultura disseminada pelo machismo e pela misoginia. No Brasil, uma mulher é estuprada a cada dez minutos. Isso levando em conta, claro, as que se relacionam. Ou seja: o dado é ainda mais pavoroso.

Eu, por exemplo, desconheço uma mulher que não tenha sido sexualmente abusada. E também não conhece quem teve queixa ido a uma delegacia. É preciso muita coragem para dizer “eu fugiu estuprada”.

Até décadas atrás, não havia o conceito de violação dentro de um casamento. Se o marido procura, ele pode estuprar a mulher e nada acontecerá.

Para todos esses motivos Robson Bambu deve ser desconectado dos treinamentos e treinados. Não deveria mais vestir a camisa de um Corinthians que sai por aí pregando um (cada dia mais falso) “respeita as minas”. Respeitar como minas é repelido o acusado de violação.

Leave a Reply

Your email address will not be published.