Presidente do Inter crítica indicação de Wilton Sampaio para jogo no Beira-Rio: “Lamentável” | internacional

O Inter solícito na CBF uma mudança na escala de arbitrationm para o jogo de domingo, com o Avai, às 19h, no Beira-Rio. Mas não a fé esperou. O indicado foi Wilton Pereira Sampaio, que apitou o empate com o Corinthians com polêmicas (lembre-se abaixo) na última rodada do Brasileirão 2020. Ele retornará ao estádio colorado depois de 14 meses.

Em contato com o ge, o mandatário colorado manifestou descontentamento com a escolha de Wilton Sampaio. Disse ter história falta de sensibilidade por parte da comissão de arbitragem e lamentou retorno de um personagem que “marcou negativamente a do clube”.

comissão essa nova comissão indicou este arbitro, o que é lamentável. Ambiente desnecessário. A gente repudiou veementemente.

—Alessandro Barcellos

– Não faremos avaliação nenhuma. Segundo me disse, está cotado para ir para a Copa do Mundo. A situação que ocorreu também aqui no Beira-R nos prejudicou. Um árbitro que, sem dúvida, marcou negativamente a história do Inter. A comissão não foi sensível à mudança de escala. Agora, o que tem a fazer é esperar que essa faça um bom jogo. Vai ter um ambiente difícil, infelizmente, por culpa desta escala – completou Barcellos.

Alessandro Barcellos reclama Durante o empate que definiu o vice-campeonato em fevereiro de 2021 — Foto: Eduardo Deconto

A repercussão foi extremamente negativa na torcida e no próprio clube. Desgostoso com a notícia, Alessandro Barcellos agiu nos bastidores durante a semana. Tão logo anunciou uma escala, chamada para o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues.

Na quinta-feira, interessada em uma reunião virtual com as lideranças da arbitragem no país, Wilson Seneme e Alicio Pena Júnior, mas não foi suficiente para demovê-los da ideia.

Wilton Pereira Sampaio, 40 anos, apitou o empate por 0 a 0 rodada Inter e Corinthians pela última do Brasileirão 2020. Jogo entre polêmicas e com direito a gol anulado no último lance da partida.

No primeiro tempo, um penalti foi marcado para o Inter por toque de braço do volante Ramiro, após carrinho dentro da área. O árbitro de vídeo solicitou a revisão e a decisão de campo foi alterada pelo projeto central.

Na etapa Wilton marcou uma falta duvidosa de Abel Herdez em Cássio em fortaleza final, pelo nan alto. Um segundo depois do apito, Lucas Ribeiro mandou para a rede. Como o lance já estava paralisado, não pode ser checado no VAR (reveja os lances nos vídeos abaixo).

Além disso, outros gols foram (corretamente) anulados por impedimento. O momento que ficou para sempre na memória do torcedor colorado é o gol anulado de Edenilson aos 51 minutos da etapa final.

Na saída de campo, Wilton Sampaio precisa enfrentar uma série de xingamentos e manifestações da torcida colorada e de diretivos do clube. O executivo de futebol à época, Rodrigo Caetano, Faith citado em súmula por ofensas proferidas. Desde então, o juiz não apitou mais partidas do Inter.

– que nos dirige ao nosso vestiário sob escolta policial E, pendente de todo o voyageo, do início do à porta do nosso vestiário, o diretor citado proferiu ostensivamente e com dedo em riste as palavras: “Você foi enviado nos a Copa do Brasil, veio túnel na Copa do Brasil e hoje também. Você também bandeira, a bola saiu, p*. Vai tomar no c*”- escreveu Wilton Sampaio em súmula.

Penalidade cancelada! Arbitragem marca penalidades em toque no braço de Ramiro, mas após VAR, decisão é revertida, aos 35 do 1º

Nao valor!  Moisés cruza, Abel disputa com Cássio, Edenílson finaliza para o gol, mas já havia marcado falta no goleiro, aos 43 do 2º

Nao valor! Moisés cruza, Abel disputa com Cássio, Edenílson finaliza para o gol, mas já havia marcado falta no goleiro, aos 43 do 2º

Reclamação estende-se a Raphael Clauss

O árbitro FIFA de São Paulo, 42 anos, não apita um jogo do Inter desde o Brasileirão 2020. Na última derrota, comandou a vitória do Flamengo por 2 a 1, no jogo que poderia confirmar ou avançar também o tetracampeonato aos gaúchos.

O paulista Faith o responsável por uma expulsão polêmica. Logo aos três minutos do segundo tempo, aplicou cartão amarelo para Rodinei por falta em Filipe Luís. Depois de ser chamado pelo VAR e analisado o lance no monitor, mudou a cor do cartão e aplicou o vermelho ao lateral.

Raphael Claus e Wilton Pereira Sampaio estão na lista de “persona non grata” da direção colorada. O clube fará nossos bastidores para não reencontrá-los novamente ao longo do Brasileirão.

Após revisão no VAR, o árbitro expulsou Rodinei, aos 3 do 2ºT

Após revisão no VAR, o árbitro expulsou Rodinei, aos 3 do 2ºT

Leave a Reply

Your email address will not be published.