Mackenzie Dern derrota Tecia Torres por decisão dividida e volta a vencer no UFC 273

O Sr. Dern derrotou T. Torres no UFC 273 Foto: Instagram/@ufc

Foi difícil, foi suado, mas Último Mackenzie retomou o caminho das vitórias no UFC 273. No card realizado na noite de sábado (09), o brasileiro teve uma luta muito dura contra o americano Tecia Torres, venceu a decisão dividida dos juízes e confirmou sua posição na divisão até 52,1 kg. O show aconteceu no VyStar Veterans Memorial Arena em Jacksonville, Flórida (EUA).

derrotado por Marina Rodrigues em outubro, Mackenzie consegue voltar ao peso-palha e segue com um belo cartel de cinco vitórias em suas últimas seis lutas. O atleta brasileiro agora tem um recorde de 12 triunfos e duas derrotas no MMA profissional.

O norte-americano Tecia Torresvê seu sonho se aproximar do top 5 da divisão liderada por Rosa Namajunas. Vindo de três vitórias seguidas, o peso-palha parou e agora soma 13 triunfos e seis derrotas na modalidade.

Mackenzie começou tentando acertar Tecia, que respondeu com um direto de direita. O americano repetiu o contra-ataque em mais duas chances antes do primeiro minuto. A estratégia de Mackenzie era clara: levar a queda e derrubar Torres, mas a brasileira começou com dificuldade para cumprir sua missão.

Mackenzie conseguiu levar Tecia para o clinche, mas o americano fez o knockdown e assumiu o controle da posição. Ambos os atletas retornam ao centro da jaula. Torres usa joelhadas para tentar afastar Mackenzie. A lutadora brasileira foi mais agressiva, porém, lutou para encontrar o timing dos socos. Tecia acertou um chute baixo, mas levou um contra chute forte que a abalou.

No segundo round, porém, Mackenzie manteve a agressividade, acertando mais socos. No clinch com a americana, Dern tentou uma chave de braço com a rival em pé, Torres se defendeu bravamente, enquanto a brasileira continuou insistindo. Torres respirava pesadamente, devido ao grande desgaste para escapar da tentativa de finalização. No entanto, o perigo ainda não foi evitado.

Os dois atletas permaneceram no chão: Mackenzie tentando ajustar uma nova finalização e Tecia tentando fugir dos perigos do campeão mundial de jiu-jitsu. Dern mudou de alvo e começou a atacar os pés de Torres. O segundo round terminou e Tecia conseguiu sobreviver à “Tempestade Dern”.

No início do terceiro round, Mackenzie tentou encurtar e quase levou um chute circular de Tecia. Os dois primeiros minutos do último set foram mais calmos, talvez pelo ritmo intenso no final do segundo set. Dern tenta desmontar, agarra a perna de Tecia e leva um chute no rosto, o que o coloca sentado. A atleta Tupiniquim mostrou sua (leve) evolução na trocação, mas esclareceu que, sem seu jiu-jitsu, dificilmente venceria o duelo.

Tecia aparou um chute na cintura, que mandou Mackenzie de volta ao seu lugar. Dern ainda tentou pressionar Tecia, conseguiu uma queda nos segundos finais, mas não havia tempo para mais ataques.

Em confronto acalorado, Mark Madsen derrota Vince Pichel e segue invicto no MMA

Madsen levanta as mãos depois de vencer V, Pichel

O confronto que abriu o mapa principal de UFC 273no VyStar Veterans Memorial Arena em Jacksonville, Flórida (EUA) foi entre os veteranos Vinc Pichell e Marc Madsen. Os dois lutadores fizeram um confronto emocionante no primeiro jogo, com muitas trocas de socos, tentativas de queda e até algumas provocações. Porém, na parte final, o público vaiou baixinho, principalmente depois que Madsen dominou praticamente toda a investida na luta de chão.

Ao final, por unanimidade dos jurados, a vitória do Marc Madsen, que segue invicto no MMA profissional com 11 vitórias. Aos 39 anos, Vinc Pichell vê sua sequência de três resultados positivos quebrada e agora soma 14 triunfos e três derrotas na modalidade.

Resultados do UFC 273

CARTÃO PRINCIPAL

Peso pena (até 65,7 kg.): Alexandre Volkanovski X zumbi coreano – Lute pelo cinturão

Peso do galo (até 61,2 kg.): Aljamain Sterling X petr yan – Lute pelo cinturão

Peso meio-médio (até 77 kg.): Gilberto Durinho X Khamzat Chimaev

Peso da palha (até 52,1 kg.): Último Mackenzie derrotado Tecia Torres na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso leve (até 70,3 kg.): Marc Madsen derrotado Vinc Pichel na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 30-27)

MAPA PRELIMINAR

Peso meio-médio (até 77 kg.): Ian Gary derrotado Semanas Darian na decisão unânime dos juízes (29-28, 30-27, 30-27)

Peso médio (até 83,9 kg): Antonio Hernandez derrotado Josh Fremd na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28)

Peso do galo (até 61,2 kg.): Raquel Pennington derrotado Lad de Aspen na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso meio-médio (até 77 kg.): Mike Malott derrotado Mickey Gall por nocaute técnico (socos) aos 3:41 do R1

Peso pesado (até 120,2 kg.): Alexei Oleynik derrotado Jared Vandera via submissão (estrangulamento) às 3:39 do R1

Peso da palha (até 52,1 kg.): Piera Rodrigues derrotado Kay Hansen na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso do galo (até 61,2 kg.): bordo de julho derrotado Daniel Willycat na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28)

Leave a Reply

Your email address will not be published.