Freddy Rincón continua em estado muito crítico, de acordo com um novo relatório médico | futebol internacional

“Freddy Eusebio Rincon Valencia permanece em nossa unidade de terapia intensiva, onde está sendo tratado por um grupo interdisciplinar de profissionais após a cirurgia de traumatismo craniano grave. Após este tipo de intervenção, é prudente acompanhar a evolução do paciente, por isso o médico A equipe decidiu realizar mais alguns testes em seu cérebro para determinar os próximos passos. Neste momento, o paciente continua com medidas de suporte avançadas e seu prognóstico não mudou”, disse o comunicado à imprensa.

Em entrevista coletiva, o Dr. Laureano Quintero, diretor médico da Clínica Imbanaco, onde o ídolo colombiano está internado, pediu que parem de divulgar notícias falsas sobre o estado de saúde do ex-jogador e respeitem a dor da família. Desde o momento do acidente, rumores da morte cerebral de Freddy Rincón circulam na Internet.

Freddy Rincón disputou as Copas do Mundo de 1990, 1994 e 1998 pela Colômbia — Foto: Fábio Rogério/Jornal Cruzeiro do Sul

O carro em que o ex-jogador de 55 anos estava colidiu com um ônibus no bairro de San Fernando, na cidade de Cali, na Colômbia, segundo um vídeo divulgado pela imprensa local. É possível ver na imagem que o carro em que Rincón dirigia passou um sinal vermelho, informação confirmada pelo prefeito da cidade, Jorge Iván Ospina.

Segundo Rafael Rincón, irmão de Freddy, o ex-jogador não era o motorista no momento do acidente. A princípio, a imprensa colombiana noticiou que Freddy estava acompanhado de outras três pessoas. No entanto, em um comunicado, o prefeito de Cali disse que apenas foi confirmado que havia apenas outras duas mulheres no carro com ferimentos leves. No entanto, uma investigação sobre o caso foi aberta e a presença da quarta pessoa não está excluída.

Carro em que Freddy Rincón se envolveu em acidente em Cali – Foto: Reprodução

Imagens compartilhadas nas redes sociais mostram que a frente do ônibus foi destruída devido ao acidente, que também teria atingido um prédio entre as ruas 5 e 34 do bairro. O carro de Rincón ficou muito danificado do lado direito. O motorista do ônibus fraturou a perna e o joelho esquerdos, passou por cirurgia e passa bem.

O ex-jogador já havia sofrido um grave acidente de carro em 2013., em uma estrada na cidade de Buga, Colômbia. Na época, o carro que Rincón dirigia ficou completamente destruído. O colombiano chegou a sofrer um ferimento na cabeça, uma pelve quebrada e passou por uma cirurgia para uma luxação do ombro esquerdo.

Freddy Rincón tem 55 anos e é um dos maiores jogadores da história colombiana e disputou as Copas do Mundo de 1990, 1994 e 1998 pela seleção. Ex-meio-campista, começou a carreira no América de Cali, foi para o Palmeiras, em 1994, foi para o Napoli, Real Madrid e depois voltou para o Verdão, em 1996, e em 1997 começou sua sequência de vitórias pelo Corinthians.

Rincón ergue a Copa do Mundo FIFA 2000 – Otávio Magalhães/Estadão Conteúdo — Foto: Otávio Magalhães/Estadão Conteúdo

No Timão, o colombiano foi bicampeão brasileiro e conquistou o Mundial de Clubes em 2000. No futebol brasileiro, também atuou por Santos e Cruzeiro. Nas redes sociais, o Corinthians, time onde mais jogou, postou uma mensagem de apoio ao seu ídolo. O Independiente Santa Fe, onde Rincón se formou, e o América de Cali, onde fez sua estreia profissional, também demonstraram.

Leave a Reply

Your email address will not be published.