“Cheguei a que podia perder, mas nunca pode ter acreditado”

PARIS. FRANCÊS. Carlos Alcaraz Esta quarta-feira a um match point rumor à terceira ronda de Roland Garros e no final do encontro não esconde que esta foi uma vitória da ‘crença’ e que pode ser importantíssima no perseguir do sonho de vencer o maior torneio do Mundo de terra bater.

ESPERAVA TANTAS DIFICULDADES CONTRA RAMOS?

Respeito-o muito conhecer-o bem e sabia que ia ser um grande encontro. Estou contente com o nível e com o fato de ter sido capaz de recuperar e vencer o encontro.

O QUE O FAZ SER TÃO BOM, TÃO JOVEM

Acreditar em mim e claro trabalhar muito todos os dias. Dezenas de bons objetos, sonhos e trabalhos para alcançar-los. Esse o segredo.

TODA A GENTE DIZ QUE VAI SER NÚMERO UM

É bom que as pessoas falem de mim e digam que vou ser número um. Tento não pensar nisso nem se sentir pressionado, mass ser número um do mundo é o meu sonho criança.

O QUE PENSOU NO QUARTO SET?

Foi um set duro, eutive um break, ele recuperou e foi sempre muito duro. Sabia que teria minhas chances. Acredito em mim Durante todo o tempo, mas claro que foi muito duro. Salvar um match point é sempre duro mas eu acredito que pode dar a volta.

SEMPRE FÉ RÁPIDO DESDE PEQUENO?

A movimentação semper foi algo em que trabalhei bastante. Important É muito mexer-me bem para ter sucesso em corte. Nunca me cronômetro aos 50 ou 60 metros mas diria que… sou rápido.

OS PONTOS INCRÍVEIS NO QUINTO SET

Ainda não flu ver o ponto depois do encontro. Tentei correr, retornar a bola e manter-me vivo. Esse foi o meu pensamento. Foi um grande ponto, encontro longo e conseguir correr tanto é incrível.

[VÍDEOS] Alcaraz protagonista de pontos inacreditáveis ​​​​no duelo épico em Paris

NERVOS COM A DERROTA POR PERTO NUM GRAND SLAM?

Há sempre nervos num encontro, mas penso que hoje nem estava tão nervoso. Talvez não tenha o set final do quarto, talvez quando enfrentei o match point, talvez tenha pensado nisso e como perto de perder. Mas gosto de batalhar e desfruto disso. No quinto set estava a sorrir.

EM ALGUM MOMENTO ACHOU QUE PODIA PERDER?

Depois de perder o segundo set e o terceiro vi que podia perder. Houve momentos em que me encontrei em que me senti inferior ao Albert e percebi que tinha de mudar algo ou ia perder. Mas acreditado. Acredite que vou dar a volta, acreditar que vou conseguir e ter oportunidades.

LIÇÃO OU PREOCUPAÇÃO?

É uma lição. O tenis ed based on learning, como tipo de encontros, de situações e tenho de perceber o que tenho de melhorar.

UMA DAS VITÓRIAS MAS IMPORTANTE DE 2022?

Coloco-a como a grande vitória não pelo impacto que teria a derrota, mas sim por aquilo que se passou no encontro. A forma como mudei para dar a volta ao encontro fé muito importante para mim. Tentar melhorar e dar a volta também é necessário e coloca-o como uma das melhores vitórias por isso. O Corretja me diga que isso vitórias fazem de mim um grande homem e vou tentar retê-las da melhor forma possível.

REENCONTRO COM SEBI KORDA

Em Monte Carlo custe-me jogar. Vinha de Miami, não treinei muitas horas em terra e custou-me. E mesmo assim estive perto de vencer. Tirarei ilações positivas desse encontro, agora já muito mais horas e encontros em terra. Vou ver o encontro de novo para ver o que fiz mal e tentarei aprender para melhorar.

Para todos os amantes do tênis que também querem ganhar com Roland Garros, um Betano é o certo sítio! Como não podia deixar de ativar, todos os encontros do segundo Grand Slam da temporada têm transmissão ao vivo no site da Betano, onde também pode tentar classificar nossos mercados especiais de apostas e missões ao longo do torneio parisiense. Não perca a oportunidade!

Leave a Reply

Your email address will not be published.