A BOLA – Marítimo-Benfica e FC Porto-Vizela em rescaldo n’A BOLA DE SÁBADO (22:30) (A BOLA TV)

Este sábado, 30 de abril, pode ver na sua A BOLA TV (canal 13 do Meo, 31 da Vodafone e 64 do Nowo)…

Mas uma transmissão DIRETA do Campeonato Nacional de Andebol na BOLA-TV. O Sporting, que ocupa o segundo lugar na classificação, atrás do FC Porto, recebe a Sanjoanense, 13.º posicionados, em partida a contar para a 25.ª jornada. Os leões, que continuam de olhos no primeiro lugar, estão à frente do Benfica (3.º), Belenenses (4.º) e Águas Santas (5.º).

Rúben Amorim lançou Sporting-Gil Vicente (12h30)

A BOLA TV Mande isso para mim DIRETO (12h30) a conferência de Imprensa de Rúben Amorim de antevisão ao Sporting-Gil Vcente, que se realiza este domingo (20h30) em Alvalade. Os leões apostam tudo na vitória para manterem intactas as aspirações ao título. Os minhotos, por seu lado, ocupam o quinto lugar, com mais cinco pontos que o V. Guimarães, altura em que faltam três jornadas para final do campeonato.

Primeira Liga dominou A BOLA DE SÁBADO (22h30)

A análise aos jogos Marítimo-Benfica e FC Porto-Vizela e o lançamento do Sporting-Gil Vicente, que se realiza este domingo (20h30), vão estar em cima da mesa da BOLA DE SÁBADO, programa apresentado por Jorge Pessoa e Silva. Vítor Manuel, Júlio António e Pedro Henriques são os comentadores de mais um programa que promete agarrar o telespetador.

Fernando Guerra e Litos analisam Marítimo-Benfica

Fernando Guerra e Litos vão estar na BOLA DA TARDE (16h30) para ou lançamento do Marítimo-Benfica, que começa às 17h00. A mesma dupla de comentadores regressa para A BOLA DAS 7. O foco vai estar na análise à partida do Funchal, que terminou às 18h45, e no lançamento do FC Porto-Vizela (19h00). João Manuel Farinha apresentou os seus blocos informáticos.

ULTRA-TRAIL na BOLA TV (11h00)

O circuito mundial de ultra-trilha dá a volta ao planeta com milhares de adeptos oriundos dos cinco continentes, para participarem na versão mais deslumbrante da trilha. Nesta série, o circuito está dividido em provas 500, 1000 e 1500 m, totalizando 28 provas, devendo em Portugal – na Madeira e nos Açores.

DIAMANTES DA AREIA para ver às 12h25.

A exploradora Kate Leeming parte para completar a primeira viagem de bicicleta pela Costa dos Esqueletos, onde o deserto da Namíbia encontra o Oceano Atlântico. Na marginm do deserto da Namíbia está localizado na Costa dos Esqueletos. É o Santo Graal na exploração. Nunca ninguém completou toda a sua extensão numa linha ininterrupta. A exploradora Kate Leeming finge ser uma primeira. Na viagem de 1600 km, passou por alguns dos terrenos mais inóspitos e suporta um dos climas mais severos do planeta, numa das regiões mais remotas e espetaculares de África

SILAS no JOGAR EM CASA (14h15)

Vamos conhecer a história de um treinador que já o era, antes de o ser. A carreira de treinador começou com títulos, quando ainda era jogador. Em Campo de Ourique, em plena Lisboa, começou a jogar na rua. Foi um jogador extraordinário e é, atualmente, um treinador à espera do desafio certo: Mister Jorge Silas! JOGAR EM CASA é uma viagem em terra-natal de cada um dos protagonistas. Mas, como nem só de bola vive o homem, vamos provar a melhor gastronomia, os melhores vinhos e mostrar as melhores paisagens das origens das rachaduras.

Jenilson Monteiro na REVISTA ANDEBOL (14h45)

Jenilson Monteiro é o convidado da ANDEBOL MAGAZINE. O ponta internacional português que defende como núcleos do CB Cangas, passou pelo Avanca e V. Setúbal, fala sobre a experiência em Espanha e de muitos outros temas. Nascido em Cabo Verde, Jenilson Monteiro representa o oitavo apresentação da Liga ASOBAL. Todas as semanas REVISTA ANDEBOL oferece as melhores jogadas e os golos mais espetaculares do Campeonato Placard. Além de acompanhar a corrida ao título de nacional, mostra a vida nacional andebolistas portuguesas fora do país, a corrida dos clubes europeus e tudo o que se passa nas redes.

Renato Godinho com DEIXA ROLAR (17h15)

Renato Godinho em estreia no DEIXA ROLAR, programa de conversas/entrevistas a caras conhecidas da TV. O tema gravita em torno da experiência dos convidados no meio das motos.

BASTIDORES F1 arranca às 18h.

– Neste episódio, focamos a situação da Ferrari, que deixou a Itália ansiosa, com esperança de que o terror da corrida em casa tenha sido uma exceção. Observamos a ascensão de Valtteri Bottas na Alfa Romeo e a digressão da Red Bull nos Estados Unidos. Ainda a análise do Grande Prémio Entrega de Emilia Romagna e um sumário das notícias mais recentes, dentro e fora do paddock.

19h55: Documentário sobre Neemias Queta

Uma curta-metragem do projeto Betc NXT – apresenta o percurso do basquetebolista e as inúmeras dificuldades por que passou no primeiro português na NBA. A falta de jeito para o futebol abriu-lhe a porta do basquetebol e do Barreirense e é ssa história que o diretor português André Braz conta neste filmes.

O drama de Roy Halladay no MOMENTO ESPN (21h40)

A história da morte trágica de uma das figuras mais veneradas da MLB – Major League Baseball, a liga profissional de basebol dos EUA e Canadá -, ou arremessador do ‘Hall of Fame’ Roy ‘Doc’ Halladay. Halladay, que se retirou do basebol após a temporada de 2013, morreu quando o avião leve que pilotava se penhou no Golfo do México, no condado de Pasco, na Flórida, em 7 de novembro de 2017. Na sequência da sua morte misteriosa, um relatório toxicológico revelou um último coquetel de medicamentos, que muitos especialistas acreditam ter influenciado Halladay no seu voo. Chocou por quem o conhecem apenas como muitos profissionais e o homem de família. Após mais de owe anos de silêncio, a família de Halladay fala pela primeira vez sobre as suas lutas e sua morte. Em entrevistas exclusivas com a viúva de Halladay, Brandy, o filho, Braden, o pai, Roy Halladay, Jr., a irmã, Heather, e outros amigos e colegas de equipa são revelados novos detalhes sobre as tentativas de participação, amigos e colegas de equipa são revelados. Diagnósticos psicológicos e o dia fatídico em que o avião caiu.

POQUER em APOSTA MUNDIAL (00:15)

Episódio 15 de uma nova temporada. Profissionais de topo, exóticos locais e um enorme ‘pote dourado’ transformam o World Poker Tour num viciante espetáculo televisivo. Qualquer um que pague o ‘buy-in’ pode entrar, esperando, no entanto, encontrar adversários fortes e muitas dificuldades para garantir um lugar na mesa final.

.

Leave a Reply

Your email address will not be published.